Pra onde você vai?

Durante a experiência que venho carregando como franqueador, percebo que muitas pessoas ainda não sabem aonde querem chegar, muitas vezes pelo fato de não saber exatamente de onde veio.

estrada

Diariamente recebo e-mail de pessoas das mais variadas profissões, de vários estados brasileiros e até outros países, todos querendo ser uma franquia Gigatron em sua região. As vezes não sei se isso é bom ou ruim receber em um único mês centenas de e-mails e ter que analisar caso a caso, mas aqui podemos tirar várias lições:

1. Amor no que faz

A maior parte dos profissionais ainda não descobriram de fato o que gostam de fazer, por que quando fazemos o que gostamos não tem sentido procurar outra profissão. Costumo dizer que não trabalho, apenas me divirto! por isso fico 24 horas conectado ao meu negócio. Você ama o que faz?

2. Profissão

Passamos boa parte de nossa vida dentro da escola, vamos do primário ao segundo grau para descobrir o que gostamos realmente de fazer, e assim escolher uma profissão. O mais impressionante é que a grande maioria ainda não tem certeza do que quer fazer, então ficam experimentando até achar algo que goste.

Uma dica legal, é fazer testes psicológicos para ter uma direção de qual área atuar. Um bom teste a ser fazer é o DISC, a avaliação DISC é uma metodologia criada por William Moulton Marston, pesquisador da Universidade de Harvard.

O DISC aborda 4 grandes áreas:

Dominância – relativo a como a pessoa lida com problemas e desafios
Influência – relativo a como a pessoa lida com pessoas e influencia os outros
Estabilidade – relativo a como a pessoa lida com mudanças e seu ritmo
Conformidade – relativo a como a pessoa lida com regras e procedimento

3. Remuneração

Vivemos por uma ansiedade em ganhar mais dinheiro, é natural que todos nós queremos ser melhores remunerados, mas a que custo? eu não trocaria nenhum dinheiro para fazer uma coisa que eu não goste, não é questão de “grana” e sim de paixão.

4. Persistência

Muitas pessoas só ficam realmente boas no que fazem depois de muito tempo fazendo a mesma coisa, uma vez perguntei para um amigo médico: – “Você conhecia sua profissão quando tomou a decisão de ser médico?” a resposta foi assustadora, mas um tanto compreensível. “Sou médico por que meu pai era médico“.

As pessoas tendem a fazer o que está mais fácil ou mais próximo, é simplesmente uma questão de convivência, mas esquecem que tem muitas outras oportunidades e as vezes deixam de fazer algo por escassez ou dificuldade. Muitos gostariam de ser médicos e não são por que o vestibular de medicina é muito concorrido.

5. Comunidade

A persuasão é outro fator determinante que dita o caminho para onde você vai. Robert B. Cialdini. phd trata em vários artigos e livros um comportamento interessante, podemos chama-lo de gatilho da comunidade.

Esse gatilho faz com que o individuo queira fazer o que os outros a sua volta estão fazendo, o nome mais técnico para isso é APROVAÇÃO SOCIAL, é impressionante como as pessoas tomam decisões por que outros estão fazendo aquilo e não porque elas gostam daquilo.

A conclusão que chego é: Saber para onde vamos é uma estrada sinuosa, enquanto isso, continuo lendo centenas de e-mails procurando pessoas inteligentes, dinâmicas e que tenha alguma ligação com a Gigatron para fazer o próximo negócio. Será que é você essa pessoa?

Marcelo Salomão Guimarães – Gigatron Franchising

Rede de franquias em tecnologia

Publicado em Artigo, Motivação
2 comentários em “Pra onde você vai?
  1. Quero compartilhar também minha experiência como empresária e franqueadora. Hoje a maioria das pessoas não sabem aonde querem chegar.
    Para tanto usarei a passagem do livro Alice no país das maravilhas do autor Lewis Carroll.
    “Alice está perdida e ao encontrar o gato pergunta o caminho.O Gato lhe responde que se ela não sabe para onde está indo qualquer caminho serve. “O caminho que você deve tomar depende da onde você quer chegar”.
    Alice responde: “Queria só chegar em algum lugar, não importa qual”.
    O gato responde: “Então, qualquer caminho serve!”
    Moral da história: Se você não tem um objetivo claro, não consegue traçar seu caminho.
    isso serve quando temos decisões a serem tomadas e é fundamental o candidato ter a clareza de seus objetivos.
    Uma boa tarde a todos os seguidores do blog.
    Rafaella Giraldi

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Insira seu e-mail para seguir esse blog e receber nossas novidades.

Junte-se a 2.322 outros seguidores

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
Gigatron Franchising
(18) 98132-8386
Segunda a Sexta das 08:00 as 18:00
e-mail: comercial@gigatron.com.br
%d blogueiros gostam disto: