Smartphone Ubuntu será bancado por financiamento coletivo

Entusiastas de tecnologia descobriram uma nova forma de apoiar o desenvolvimento de novos modelos de smartphones: o financiamento coletivo, também conhecido pelo termo em inglês “crowd funding”. Depois do Fairphone lançar mão dessa alternativa para criar um smartphone que respeite o meio ambiente e os direitos humanos de trabalhadores, agora é a vez da Canonical dar início a uma campanha para bancar a produção do Ubuntu Edge, um smartphone com a versão Ubuntu do Linux como sistema operacional. Para viabilizar o projeto, será necessário arrecadar US$ 32 milhões em 30 dias. De acordo com a empresa, será o maior projeto de financiamento coletivo da história.

A iniciativa foi aberta nesta segunda-feira, 22, no site Indiegogo. Por 24 horas, os 5 mil primeiros que aderirem pagando US$ 600 terão direito a receber o Ubuntu Edge. Depois desse prazo, será preciso pagar US$ 850 para ganhar o aparelho. Quem quiser apenas ter o nome listado entre os patrocinadores do produto pode optar por doar US$ 20. Os que estiverem dispostos a receber umas das 50 primeiras unidades devidamente numeradas precisará desembolsar US$ 10 mil. No fim da tarde desta segunda-feira, horário de Brasília, o projeto já contava com mais de 2,4 mil contribuintes e havia arrecadado mais de US$ 1,2 milhão.

O Ubuntu Edge será um superphone. A ideia é combinar a mobilidade de um smartphone e a performance de um desktop.”Na indústria automotiva há a F1 para testar novas tecnologias. Mas na indústria móvel não há nada similar. Não há um segmento premium para motoristas experientes. É como se todos dirigissem sedans produzidos em massa”, diz Mark Shuttleworth, fundador da Canonical, empresa responsável pelo projeto, no vídeo promocional sobre a campanha. Se a iniciativa for bem sucedida, o executivo pretende realizar uma nova edição por ano.

O Ubuntu Edge terá tela de 4,5 polegadas protegida por cristal de safira em vez de vidro. O material é tão resistente que seria necessário um diamante para riscá-lo. O aparelho terá um processador multicore, 4 GB de memória RAM e 128 GB para armazenamento, algo inédito em um smartphone. Além disso, contará com duas antenas LTE, para garantir um a melhor conexão às redes 4G. Além do Ubuntu OS, o aparelho rodará em Android. A câmera traseira, de 8 MP, será otimizada para tirar fotos com pouca luz e ter rápida resposta.

Apenas os colaboradores da campanha terão direito a um exemplar. O Ubuntu Edge não será vendido em lojas. A Canonical, contudo, está trabalhando no desenvolvimento de versões mais baratas de smartphones Ubuntu para distribuir a operadoras do mundo inteiro. A previsão é de que os primeiros modelos sejam lançados em 2014.

fonte: Convergecom

Rede de franquias em tecnologia

Publicado em Noticias de TI

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Insira seu e-mail para seguir esse blog e receber nossas novidades.

Junte-se a 2.322 outros seguidores

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
Gigatron Franchising
(18) 98132-8386
Segunda a Sexta das 08:00 as 18:00
e-mail: comercial@gigatron.com.br
%d blogueiros gostam disto: