10 dicas para comprar uma franquia

10 Dicas para comprar uma franquia

10 Dicas para comrpar uma franquia
Comprar uma franquia tem se tornado o negócio do momento e atraído muitos empresários a pensar sobre o assunto e decidir entre abrir um negócio com temática própria ou investir em uma marca de sucesso.

As vantagens são imensas. Para quem tem uma boa quantidade e dinheiro para investir, é interessante não partir do zero e já começar com uma marca de sucesso. Alguns gastos serão eliminados como divulgação da marca, campanhas de marketing e criação de produtos, já que é a matriz é quem deve cuidar de tais ações e distribuir as franquias.

O poder da marca deve ser muito levado em conta, pois marketing é o que levanta um negocio hoje em dia. Logo, começar com uma marca de sucesso em mãos e sua fama já prontos já é um grande passo a ser dado. Veja agora nossas 10 dicas para comprar sua franquia.

1 – Avalie a demanda para os produtos e serviços da franquia em questão!

Todo o sucesso de um negócio gira em torno da demanda. Realmente existem pessoas suficientes, na região em que você pretende abrir a franquia, que comprarão seus produtos e serviços? Não se esqueça de ponderar fatores culturais, climáticos e o perfil da clientela. Uma franquia bem sucedida em uma região pode não ser tão boa em outra, por isso é muito importante fazer um plano de negócios antes de comprar a franquia.

2 – Avalie a concorrência para o segmento da franquia na região de atuação.

Qual é a concorrência na região em que você quer abrir a franquia para os produtos e serviços? Sua expectativa de vendas para o serviço ou produto da franquia está diretamente relacionada a concorrência para o segmento na região em que você pretende atuar. Não esqueça de avaliar a concorrência para produtos substitutos.

3 – Avalie o reconhecimendo da marca da franquia.

A marca da franquia em questão realmente tem um reconhecimento na sua região? Grande parte do sucesso de uma franquia está no reconhecimento da marca, assim é preciso ter certeza de que a marca, apenas pelo nome já traz algo de positivo para o novo negócio, isto na sua região. É preciso certificar se de que a marca da franquia é conhecida positivamente e traz valor para as pessoas na sua região.

4 – Avalie sua capacidade e interesse em conduzir o tipo de negócio.

Você está disposto  e capacitado para conduzir este tipo de negócio da franquia. Faça um exercício de imaginação e imagine-se trabalhando, como seria seu dia a dia nesta atividade e veja qual seu nível de satisfação. Faça um check list das habilidades e conhecimentos necessários para conduzir o negócio oferecido pela franquia e seja sincero ao responder. Eu posso tocar este negócio? Ou posso aprender rapidamente o que é preciso para conduzí-lo?

5 – Como funciona e qual a abrangência do suporte oferecido pela franquia?

Pergunte qual o suporte oferecido e se já está incluso no valor da franquia, verifique em detalhes se após a venda o franqueado terá suporte nas operações, marketing, vendas e finanças da franquia. Um fator de escolha pela franquia é a justamente o fato dela vir formatada, com maior possibilidade de sucesso e menos custos com aprendizado na realização dos processos operacionais.

6 – Analise o potencial de crescimento da franquia.

Verifique se o mercado da franquia em questão se encontra em expansão, estagnado ou em retração. Quais as tendências para este tipo de negócio nos próximos anos?
Caso você não tenha segurança para tomar a decisão faça uma pesquisa de mercado para determinar o tamanho do mercado e se ele suporta a entrada de mais uma empresa no segmento.

Alguns negócios surgem rapidamente, porém, por vários motivos, como: baixa barreira de entrada ou mudança nos hábitos de consumo, desaparecem na mesma velocidade com que chegaram.

7 – Converse com alguém que já comprou a franquia.

Outro passo muito importante para definir se realmente vale a pena comprar a franquia analisada é conversar com outros proprietários de outras franquias para avaliar o nível de satisfação, dicas e eventuais queixas dos mesmos. Procure você mesmo por estas pessoas assim não corre o risco de que o franqueador lhe indique justamente aqueles que estão satisfeitos com a franquia adquirida.

8 – Solicite ajuda jurídica especializada para avaliar o contrato.

A não ser que você seja um advogado especializado ou conhecedor da área jurídica será preciso solicitar ajuda especializada para avaliar o contrato que será assinado e suas respectivas obrigações originadas. É um compromisso muito sério e certamente vale cada centavo pago em tal ajuda.

9 – Avalie se é melhor comprar uma franquia ou iniciar uma marca.

Algumas franquias são grandes e de difícil formatação, com vários “segredos” do sucesso dos seus produtos e serviços, mas outras são simples o suficiente para que a compra de um sistema caro pode não valer apena. Verifique todos os ítens anteriores e o passo seguinte a este para ponderar se o preço pago na compra da franquia será retribuído em forma de benefícios e dinheiro no caixa.

Na análise financeira do negócio você conseguirá friamente prever o retorno do investimento na franquia. Assim você poderá comparar o mesmo retorno do investimento caso opte por abrir uma empresa você mesmo sem comprar uma franquia e decidir pela melhor opção.

10 – Evite o maior erro cometido pelos franqueados.

É importante saber que com uma franquia o estudo de mercado não será eliminado. Alguns empreendedores pensam erroneamente que ao comprar uma franquia de uma marca famosa o sucesso está garantido e a falência não o irá atingir.

Pensamento completamente errôneo. Quem está investindo deve sempre observar as tendências do mercado e saber se a concorrência está aumentando a nível sufocador. Os melhores negócios do mundo estão sujeito ao fracasso e o dono da franquia deve ter isso em mente e pensar na hora certa de partir para outro empreendimento. No mundo dos negócios, abandonar o barco na hora certa não é ser covarde, mas ser esperto.

Antes de comprar a franquia, é preciso analisar o ponto escolhido, concorrência na região, público alvo, investimento total, previsão de retorno do investimento, entre vários outros. Tudo isso depende do empresário que comprou a franquia, não dos donos da marca. Caso você tenha alguma dificuldade conheça o Kit Como Abrir Um Negócio.

Fonte: http://www.novonegocio.com.br/abrir-franquia/10-dicas-para-comprar-uma-franquia/

Rede de franquias em tecnologia

Publicado em Franquias

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Insira seu e-mail para seguir esse blog e receber nossas novidades.

Junte-se a 2.321 outros seguidores

  • Ocorreu um erro. É provável que o feed esteja indisponível. Tente mais tarde.
Gigatron Franchising
(18) 98132-8386
Segunda a Sexta das 08:00 as 18:00
e-mail: comercial@gigatron.com.br
%d blogueiros gostam disto: